Entre as principais vantagens que o video marketing proporciona às empresas, estão: aumento das vendas, fidelização de clientes, popularização de marcas, produtos e serviços, melhora no ranqueamento do Google e muito mais. Ou seja, os benefícios do video marketing para empresas se referem a resultados efetivos. Pois, quando a sua empresa consegue prender a atenção do público-alvo, é muito mais provável que esses potenciais clientes façam a compra e, além disso, indiquem os seus produtos aos amigos, familiares e conhecidos. Fazer marketing com vídeo, portanto, é algo que tem se mostrado como uma ferramenta eficiente para melhorar os resultados de empresas.
Aprenda a produzir vídeo facilmente com ferramentas gratuitas. Realize vídeos fantásticos, mesmo que seja um amador. Edite vídeos no seu smartphone ou tablet, Android ou iOS. Obtenha mais alcance no Facebook, YouTube e Redes Sociais. Escolha o equipamento certo, investindo apenas o essencial. Utilize soluções profissionais para resultados excecionais. Venda online os seus produtos ou serviços, com impacto. Descubra o poder do vídeo e storytelling nas marcas.
A qualidade do processo de edição dos seus vídeos é determinante para a sua campanha de vídeo marketing. Portanto, se você não tem ideia de como montar um vídeo e editá-lo de forma profissional, o ideal é que você realize um curso rápido de edição ou que, pelo menos, assista a tutoriais que ensinam como editar vídeos de qualidade. Além disso, é preciso que você escolha um bom software de edição, como Adobe Premiere, que é o mais completo e robusto do mercado, ou Windows Movie Maker, que é mais indicado para iniciantes, caso você não tenha experiência com edição.
Dessa maneira, uma produtora de vídeo marketing precisa estar atenta aos princípios do marketing digital. Segundo a Forrester, uma página com vídeos é 53% mais propensa a aparecer na primeira página do Google e possui uma taxa de cliques 41% maior. No caso de usar vídeos em comunicações via email, a taxa de cliques pode aumentar em até 96%. Para você ter uma ideia, apenas o uso da palavra “vídeo” no assunto do email já aumenta a taxa de abertura em 20%.
Como já dito nesse artigo, o YouTube é hoje a plataforma de vídeos mais acessada do mundo, com mais de 1 bilhão de usuários todos os meses. Não é à toa que as grandes empresas do mercado brasileiro, e de outros países, vêm investindo fortemente na estratégia audiovisual, pois o vídeo marketing é, atualmente, nada mais, nada menos, que a forma mais eficiente de fazer Marketing de Conteúdo. Além disso, com as ferramentas do YouTube, também é possível fazer anúncios pagos, que podem ser segmentados e aparecem justamente para os usuários que têm maior chance de comprar na sua empresa.
Como já dito nesse artigo, o YouTube é hoje a plataforma de vídeos mais acessada do mundo, com mais de 1 bilhão de usuários todos os meses. Não é à toa que as grandes empresas do mercado brasileiro, e de outros países, vêm investindo fortemente na estratégia audiovisual, pois o vídeo marketing é, atualmente, nada mais, nada menos, que a forma mais eficiente de fazer Marketing de Conteúdo. Além disso, com as ferramentas do YouTube, também é possível fazer anúncios pagos, que podem ser segmentados e aparecem justamente para os usuários que têm maior chance de comprar na sua empresa.
Possui  mais de 12 anos de carreira atuando nas áreas de estratégia, inteligência de mercado e inovação. É graduada em Administração pela Pontifícia Universidade Católica (PUC) e possui MBA em Gestão Empresarial pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). Ocupou posições executivas na BP e Grupo Curimbaba, nos segmentos de minerais e energia, petróleo e gás e energias renováveis. Atualmente, é Gerente de Estratégia e Inovação da EDP Brasil e lidera diversas iniciativas de fomento e aceleração de startups.
El estudio, organizado por Genwords, compañía especializada en Content Marketing, contó con la participación de casi 400 profesionales del marketing encuestados por vía online, y permitió revelar cómo está evolucionando el content marketing en los países de habla hispana y Brasil. Solo con saber que las empresas han producido 60% más contenido con respecto al año pasado, se confirma la toma de conciencia que han hecho las empresas con respecto a la manera en que se acercan a sus potenciales consumidores.

La ética no es un valor pasado de moda, ahora más que nunca se ha vuelto una de las claves a tener en cuenta por las marcas. Cavallo no ha dudado en  convertirla además en el eje de este libro que comienza con una frase del yogui hinduista Paramahansa Yogananda y que está dirigido a CEOs, Directores de Marketing o profesionales con un ojo puesto en la sostenibilidad.
Víctor muy buen artículo. No puedo estar más de acuerdo contigo en todos los puntos de los que hablas. Me he topado muchas veces con esa afirmación rotunda de que el “marketing de contenidos no les funciona”, y que les supone un grandisimo esfuerzo mantener su Blog activo o vivo. ¿Pero qué tipo de contenidos estás redactando? ¿Todo el rato ofertas o promociones? ¡Eso no es marketing de contenidos oiga!
É uma das principais referências em empreendedorismo no país. Já apoiou mais de 10 mil startups nos últimos 20 anos. As iniciativas de apoio a empreendimentos que fundou ou dirigiu geraram mais de R$ 600 milhões em investimentos. É fundador da Startup Farm e foi diretor do programa Start-Up Brasil, no Governo Federal. É colunista do jornal Estadão e da revista Pequenas Empresas & Grandes Negócios e autor do livro 10 Mil Startups.

A qualidade do processo de edição dos seus vídeos é determinante para a sua campanha de vídeo marketing. Portanto, se você não tem ideia de como montar um vídeo e editá-lo de forma profissional, o ideal é que você realize um curso rápido de edição ou que, pelo menos, assista a tutoriais que ensinam como editar vídeos de qualidade. Além disso, é preciso que você escolha um bom software de edição, como Adobe Premiere, que é o mais completo e robusto do mercado, ou Windows Movie Maker, que é mais indicado para iniciantes, caso você não tenha experiência com edição.


O Estudo de Marketing de Conteúdo na América Latina e Espanha, realizado no final do ano passado pela Genwords, gigante latina especializada no assunto, mostrou que foi de 85% o índice de empresas que já adotaram a técnica para se comunicar com seu público. Em 2016, empresas brasileiras produziram conteúdo em torno de 60% a mais do que o apontado na pesquisa anterior, realizada no final de 2015.
Además, muchas empresas no analizan la rentabilidad de sus clientes existentes o la rentabilidad potencial de todo tipo de clientes nuevos. Como resultado, las empresas se tambalean de una base de clientes a otra nueva base de clientes y en el camino ello les supone perder algunos de sus clientes más valiosos. Fleming describe este fenómeno en Evergreen, a través de un paralelismo con los árboles, que pierden sus hojas cada otoño.
×