Entre os equipamentos que você precisará para a gravação dos vídeos da sua empresa, estão: câmera, microfone, iluminação e tripé. Invista em câmeras profissionais para fazer vídeo marketing, pois a qualidade das imagens é essencial para fazer vídeos realmente atraentes para os consumidores. As câmeras profissionais, normalmente, vêm com microfone embutido, mas o ideal é que você utilize microfones externos para que os usuários consigam entender a voz do narrador com maior clareza. Em relação à iluminação, você deve gravar os vídeos em um local bem iluminado e, se necessário, monte uma espécie de 'home studio' para que as imagens tenham qualidade. O tripé, por sua vez, é que o garante que as imagens tenham o enquadramento perfeito, sem tremores.
As startups que quiserem participar deste pilar devem ter como modelo de negócio soluções que fazem parte das seguintes categorias: Mobilidade, Fintechs, Healthtechs, HRtechs, Insurtechs, Educação, Construtechs, Lawtechs, Transformação Digital, Cidades Inteligentes, Logística, Robótica e soluções que ajudem as empresas a aumentar sua eficiência operacional.

Marcos Facó - O vídeo hoje é o carro-chefe. É preciso se atentar a algumas questões que são os três "S" e um "V". O primeiro é Short - o Millennial não quer coisas longas, o conteúdp precisa ser curto e dinâmico. O segundo é Simple - uma apresentação simples, sem complexidades. É preciso fazer a leitura para as pessoas, como é o caso do Bitcoim. Não é contar o que é e sim como funciona. O terceiro é Social - o seu conteúdo precisa ser social e compartilhável. Precisa ter um pingo de viralização. O outro ponto é Visual - um apelo visual para que a pessoa se interesse por ele. O SSSV é a tendência e recomendação para quem quer trabalhar com estratégia em vídeo.

Además de todos los conocimientos expuestos con anterioridad, el profesional del Marketing Digital deberá tener capacidad de aprendizaje porque el sector digital no para y se encuentra en constante evolución, adaptación al cambio ya que las reglas de hoy no servirán mañana, capacidad analítica para poder optimizar las inversiones y entender a nuestros usuarios, además de habilidades de negociación para así llegar a acuerdos con terceros.
Hola Francisco, efectivamente, es un buen libro, lo que pasa es que este post se centra en las publicaciones de 2015 y este que comentas tiene un par de años ya. En todo caso, sí que Kiyosaki ha publicado a principios de 2015 un libro, Second Chance, pero va un poco por la cola que ha dejado Rich Dad Poor Dad y por temática no encajaba en este artículo. Muchas gracias por tu comentario. Un saludo
×